terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Um calmante, por favor!



Se eu não precisasse do meu coração, eu juro que triturava! Droga. Não adianta fugir, esquecer, partir pra outra... Droga de vida, quê vida! Isso não é vida. Ou é BUrrice ou armadilha do Horror. Afh! Não sei.



Nenhum comentário:

Postar um comentário