terça-feira, 1 de novembro de 2011

Resposta a senhora solidão




Beca tagarela, pacificadora... Medrosa, com uma coragem apocalíptica. Aprendendo tecer conhecimento, fazendo correções nos fragmentos desse corpo que não é meu. 


Emprestando o que eu não tenho pra salvar alguém, pois essa alma não me pertence, não espero devolução, não mais, ou, por enquanto. Não quero mais ficar desse jeito, nesse estado morno, não consigo correr, eu não sei, eu...


Tenho medo de apagar, se pareço o sol de alguém - essa pessoa deveria correr pra não ver - não acredito mais nas minhas fantasias e não preciso de mais pra eu me sentir pior. 


Busco a minha libertação.


Beca, tia Beca, Beca tagarela, Bequinha eu não te conheço!



Nenhum comentário:

Postar um comentário