terça-feira, 24 de maio de 2011

Me embaracei no meu não-sei-onde

eu

Estou tão dependente das forças que me cercam que a impressão que fica é de um salto de avião, sem pára-quedas numa probabilidade mínima de sobreviver - uma sorte. Sei que o tempo não me ajudou a chegar perto dos meus desejos, mas a sensação é que não perdi nenhum segundo da minha vida. 

Irei conhecer o que a de vir: Contratempos; sombras de outro tempo; gente do lado daí; desenhos de mocinhos que desconheço; um pedaço de uma canção carregada de sinceridade e mal escrita; a descoberta de uns mil movimentos no dia a dia.

Porém, me falta uma ennnnooormee pedaço meu pra estar de fato onde estou. Sem equilíbrio.

Se alguém achar me grite, que eu vou é CORRENDO!

4 comentários:

  1. pelo visto, conferes meu twitter também.
    Vou escrever sobre isso logo. Volte sempre.

    ResponderExcluir
  2. eu posso te gritar chamar quem sabe tentar mim mostrar o Maximo mais vc esta concentrada tanto com sua inteligência que não consegue se descomcentra pois foi pensando em vc que Deus criou o dom chamado inteligência,sou seu fã te admiro muito parabens bjs juraci cruz

    ResponderExcluir
  3. Rapaz um muito obrigada, Deus te abençoe.

    ResponderExcluir