quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Minha vidinha linda

.

Fim de ano está chegando e cheia de certezas de quê festas e folia não precisam de datas. Estamos mudando de vida ou de fase, assim como quiserem saber. Parabéns para os que conseguiram mudar... Para os que tentaram .... Meus sinceros aplausos!





Meus medos cada vez eu os enfrento e descubro outros. Minhas fraquezas quem dirá algo?  Qualquer momento mudo de rumo. Meu mundo não é só meu.




Sobre mim e os outros, permaneço calada e inferninhos vivos escondem meu desconforto.





O amor que esteve aflorado de maneira errônea foi minha fuga de solidão. Prometo que não vou mais espalhar inverdades sobre o que existe dentro de mim. Porque meus olhos não acompanham as linhas de ninguém, apenas o que é eterno que alguém possa ter. O amor que em mim existe e continua inexplicável vai me atormentar pelos próximos anos. Talvez sempre.



E hoje se estou feliz, é porque não parei. Não fugi.



                                                                   * As fotos são meus fragmentos

Nenhum comentário:

Postar um comentário