quarta-feira, 4 de agosto de 2010

E tudo fica do outro lado da rua

By: Rebeca Fontinele
Eu estou por perto, onde não importa. Estou perto de seus pensamentos, espero que perto do seu coração. As distâncias físicas são irrelevantes, frente a isto. Mas não precisa se preocupar comigo não, sou acostumado a me virar. Gilson Wingist

Só pense assim: O mundo é grande e sua humilde cabecinha carrega um cérebro que pensa um monte de coisinhas, que as vezes nos machucam. 

E com certeza terá mais.

- Consciência você está aí? 

- Ainda não consegui te ouvi! 

Adoro menti o jeito da vida, pois experimento as minhas verdades, ora ou outra escandalosas, vestindo cada gostinho e as vezes querendo mais, tecendo os dias como se nascessem para mim e sem querer dar o máximo de mim.

O Futuro é agora. O resto ficou do outro lado da rua, sem alegoria. Pois o futuro, só os olhos internos é que ostentam a afetividade; darei início do falar sentindo - aliás, já faço isso. 

Não terá distâncias divorciadas, do estrelato ao anonimato, apenas constelações européias, celebremos o próximo caminho, que serão muitos, como se fôssemos engenheiros.


Um comentário: